quarta-feira, 9 de julho de 2008

Bons mandamentos...








Nunca dizer : “Pode ficar com o troco”.Troco é troco. É nessa pequena economia que se junta alguma coisa no final do mês. Ou, se não der para juntar, prolonga o final do mês.
Não colocar a mão no bolso em vão : Comprar deve ser um verbo menos utilizado do que hoje em dia é. Se briga com o namorado, sai para comprar. Se volta com o namorado, sai para comprar. Pense antes de gastar o suado dinheiro.

Amar seu bolso como a si mesmo: Seu bolso faz parte do seu corpo. Maltratando seu bolso com compras no impulso você estará se maltratando. Como a musiquinha no colégio…“Cabeça, ombro, bolso, joelho e pé. Joelho e pé…”.


Lembrar que tudo tem sem preço: Então, vamos às promoções! Com mais organização e familiaridade com os preços, conseguimos boas promoções. Experimentar um produto mais em conta é boa estratégia. Não significa consumir um produto ruim só porque é mais barato.


Pechinchar sob todas as formas: Para alguns povos, como o árabe, por exemplo, comprar o produto pelo preço que lhe é oferecido chega ser uma ofensa. Eles esperam que se regateie, pechinche. Faz parte da venda negociar o preço. Se em dinheiro é mais barato do que com cartão de débito você só irá saber se negociar o preço da compra.


Não desperdiçar:Lavar o carro com balde economiza água, certo? Há muito mais acertos no nosso dia-a-dia se formos controlados com os gastos. Economizaremos nosso dinheiro e mantemos o planeta para próximas gerações.


Ir a compras somente aos domingos: quando quase tudo está fechado.O politicamente do mandamento anterior cai por terra com este agora.É radical, mas domingo tem poucas opções de compras. Quem sabe seja a saída para não gastar demais?


Valorizar cada centavo:Sabe aquela caixa de mercado que “fica lhe devendo” um centavo? Ela está cometendo um crime! Apropriação indébita. Se você não aprender a valorizar seus centavos, não irá valorizar seus milhões.


Analisar o custo e benefício:Esse serve para tudo. Desde uma relação até o dinheiro! Serve para responder quem acha que pão-duro compra o barato pelo barato. Não! Analise o custo/benefício antes. Aliás, analise até o custo/benefício de ser controlado com os gastos. Se lhe der dor de cabeça maior do que ficar no vermelho, gaste à vontade!


Emprestar sempre com juros: Jurar é pecado. Cobrar juros,não! Não me peça dinheiro emprestado! Tem bancos e financeiras mais bem preparados que eu. E com juros bem maiores…


Texto extraído da internet.

Meus amigos...



Coloquei esse texto que recebi por e-mail, para poder fazer algumas relações que achei importante com o comportamento GORDO.
O texto acima é um artigo lúdico, mas achei interessante as relações que poderia fazer.



Tomamos certas atitudes que nos fazem sentirmos arrependimento, desde a grande ingestão de comida em um momento de compulsão, como a compra em uma loja de roupas, sapatos, cds,entre outros exemplos que poderia destacar.


A compulsão, a impulsividade , tem uma relação direta com a forma que pensamos e vivemos as experiências em nossas vidas.


Comprar em excesso, comer em excesso, beber em excesso, fumar, gastar, malhar compulsivamente, nos dá uma leitura do quanto nos comportamos gordo em nosso dia a dia.


Queremos tudo, rápido, como se não pudéssemos esperar o outro mês para comprar o sapato que gostamos;comemos rápido para dar tempo de fazer muitas coisas ainda na hora do almoço,bebemos para que possamos com mais facilidade rir, conversar , dançar, esquecer...

É importante que essa relação seja pensada...Não aguentamos a frustação!


O texto acima é uma brincadeira interessante que nos fala sobre a valorização do dinheiro, mas tem o outro lado, de que gastamos sem pensar,deixamos o troco ,compramos o que vemos na primeira loja sem pesquisar, não pechinchamos , engolimos e sufocamos...
Pensar gordo...nada mais é que querer muito, não pensar e fazer, não tolerar a falta, não sentir...


Pensem com carinho.



Estou aberta a comentários e contribuições sobre o tema.



Um abraço

Luciana Kotaka

3 comentários:

Pedro Bello disse...

Oi Lu, coloquei esse blog na minha lista também, ok? Vamos trocar figurinhas, bjão

BELA .com disse...

Oi Luciana tdo bom??
Encontrei seu blog e achei súper legal e interessante já te linkei e estarei aki sempre q eu puder.
Beijoooss

Crista disse...

Tens toda a razão em fazer essa analogia.
Como sempre os artigos aqui são escolhidos a dedo!!!
Parabéns.
Mil beijocas