terça-feira, 28 de julho de 2015

Tv Transamérica - 15/07/15 - Programa Toda Tarde

Não deu certo? Aproveite a chance de poder recomeçar



Encarar os medos pode ser o caminho da mudança que tanto deseja.
fff
Uma das maiores dádivas de nossa vida é justamente o conflito, ele oportuniza a reflexão, nos faz avaliar, colocar em dúvida e achar novos caminhos. Para quem está se sentindo assim talvez não seja muito agradável, pois quando se foca na dor, na dúvida, fica-se ansioso, mas na verdade é uma excelente oportunidade para recomeçar.
Talvez você nunca tenha parado para pensar dessa forma, somos atropelados por tantas situações que o que queremos mesmo é ficar bem, não ter dúvidas roubando nosso sono, inquietações que nos fazem ficar em estado de alerta, queremos solução imediata.
Mas sinto informar que esse não é o melhor caminho, o conflito vem justamente para que se possa refletir acerca da vida com cautela, para que não se tome decisões precipitadas, evitando assim confusões, tristeza e perdas.
Você já parou para pensar que o conflito é uma oportunidade de mudança e se soubermos avaliar o que ele nos traz de material para reflexão veremos que na verdade essa situação vem denunciar uma insatisfação, seja em que área de nossa vida ele se apresentar.
Olhar para o que não está bem é um carinho com nossa autoestima, respeito por nossas necessidades e anseios, não adianta empurrar qualquer que seja a situação incômoda para debaixo do tapete, uma hora teremos que levantar e olhar o que estamos escondendo e assumirmos nossa infelicidade.
Quantos casais continuam juntos usando a desculpa de não magoar os filhos? Até quando aguentará o patrão que vive abusando da sua boa vontade? Sua amiga que não perde a oportunidade de falar algo que te coloca para baixo? Um curso, uma mudança de cidade, uma viagem, o quanto é mais fácil continuarmos na zona de conforto para não olhar de forma mais escancarada para os desejos mais secretos que temos.
Olhe, mas olhe de verdade, e preste atenção no que está sentindo, não permita viver uma vida meia boca por medo de jogar tudo para o alto, enfrente suas dúvidas, corra atrás de esclarecimentos, de apoio, mas olhe e acredite, a oportunidade está aí, bem na sua frente.

segunda-feira, 22 de junho de 2015

O voluntário anônimo





por André Oliveira

Assistimos todos os dias um índice crescente de aspectos sociais negativos, com sequelas e soluções de continuidade imensuráveis na saúde, educação e segurança pública.

Assistimos também o comodismo de muita gente que, acreditando ser invulnerável a todo e qualquer sinistro, esquivam-se de compartilhar, estão sempre com pressa, ignoram colaboração coletiva e omitem-se no próprio egoísmo. Lamentavelmente essas pessoas inertes ainda comungam aquela máxima de que: _pago meus impostos e exijo meus direitos_. Está na hora de rever seus conceitos.

Está na hora de ver o que se passa na sua rua e no seu bairro. Há muita atividade que poderia melhorar o convívio e a vida das pessoas se cada uma delas absorvesse o espírito do voluntariado. De uma simples ajuda a grandes mutirões se consegue resultados espetaculares e os beneficiados são para todos, sejam crianças, jovens e adultos.

Quem ainda comunga que o governo é culpado daquilo ou disso está vendo a vida passar e não se coaduna com a cidadania plena entre seres humanos. Há pessoas que são capazes de destinar horas passeando com cães, mas não se oferecem para levar os idosos num dia de sol na pracinha mais perto de casa.

Solidarizam-se com semelhantes somente na época do natal e acreditam que estão aumentando seus créditos com Deus para após a morte entrarem no céu. Ora, está na hora de se trabalhar o hoje. Viver e atuar com espírito de grupo, compartilhando e ajudando no que for possível.

Bem perto da sua casa há um posto de saúde, um hospital, uma escola, uma creche. Por que não ajudar com uma hora por dia como voluntário. Há tantas maneiras de colaborar que você vai se surpreender quando conhecer o interior dessas repartições.

No Instituto dos Cegos de Londrina, estado do Paraná, por exemplo, os voluntários anônimos, gravam fitas de livros inteiros, poesias, contos, crônicas, para que todos os deficientes visuais possam ter a _leitura auditiva_. Um trabalho emocionante porque proporciona uma viagem pelo universo da imaginação.

Nos hospitais que tratam do câncer em vários pontos do país, o expediente administrativo pode ser auxiliado com o mínimo de domínio do computador, para ajudar no preenchimento dos formulários, por exemplo. Ou ainda auxiliar na cozinha, recolher donativos, levar uma palavra aos doentes ou simplesmente visitar as pessoas que estão internadas.

Nas creches, que tal servir a merenda para as crianças uma vez por dia? Compartilhar do momento do recreio e voltar no tempo, para que a dormência lúdica que existe em cada um de nós floresça novamente e produza em nosso metabolismo as boas endorfinas da alegria e felicidade.

Pessoas aposentadas e felizes, em muitas partes do país, se solidarizam com escolas de periferia e lá ensinam crianças a jogar xadrez, dama, dominó e a montar os deliciosos quebra-cabeças. São essas atividades que fazem as crianças e os jovens terem a boa disputa esportiva e conhecer a verdadeira relação de vitória e derrota. Molda-se o caráter através da prática do raciocínio. Não há agressões de impactos.

Ações voluntárias fazem muita diferença porque estreitam laços, resgatam convívios de amizade, eliminam a vaidade humana e aproximam as pessoas no entendimento de que o bom mesmo na vida é ser e não ter.

Aos que desejarem orientações para encontrar uma vaga de serviço voluntário ou outras informações sobre o tema, podem procurar o Planeta Voluntários é um site não governamental, apartidário e ecumênico, criada em maio de 2009, com a visão de desenvolver a cultura do trabalho voluntário organizado, que leva o serviço voluntariado a auxiliar milhões de brasileiros e entidades que necessitam de todo tipo de ajuda.
O site conta com uma Rede Social que cruza as informações dos voluntários com as instituições cadastradas, sendo um elo entre elas.

André Oliveira 
Diretor da CredFácil - Colaborador do Planeta Voluntários 
http://www.planetavoluntarios.com.br